CNA lança mapeamento de cadeia produtiva de hortaliças

Adotar boas práticas, otimizar recursos, agregar valor e estar atento às tecnologias e aos novos comportamentos dos consumidores. Esses são alguns dos desafios da cadeia produtiva de hortaliças apontados no “Mapeamento e quantificação e cadeias produtivas” (disponível aqui) , lançado em 7 de dezembro na Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), em Brasília.

O estudo feito pela CNA em parceria com a Associação Brasileira do Comércio de Sementes e Mudas (Absem) contou com a colaboração de diversas instituições. O trabalho, inédito no Brasil, traz informações sobre 13 culturas (abóbora cabotiá, abobrinha, alface, alho, batata, beterraba, cebola, cenoura, coentro, couve-flor, pimentão, tomate mesa e tomate indústria). Considerando todos os elos da cadeia produtiva, a estimativa é que a movimentação financeira girou em torno de US$19,03 bilhões, em 2016.

Faça o download do arquivo aqui!

Gostei(15)Não Gostei(1)

Tem algo para acrescentar sobre esse post? Compartilhe com a gente!