Hortaliças de alto valor agregado

O mercado da horticultura está evoluindo rapidamente nos últimos anos e com isso, novas demandas surgem de diferentes públicos. Algumas das principais tendências serão abordadas no Canal do Horticultor para que o produtor possa se informar sobre o cenário nacional e internacional.

Hoje vamos falar sobre uma tendência que vem ganhando força no Brasil: o mercado de hortaliças de alto valor agregado. São produtos que se diferenciam por ter visual e sabor extremamente atraentes e são geralmente reservadas a um público que, além de ser consciente dos benefícios de uma alimentação saudável, também aprecia boa gastronomia, procura e investe em novidades. São também muito procuradas por restaurantes e hotéis que utilizam essas hortaliças para valorizar seus pratos.

O produtor que aposta em hortaliças como essa ganha clientes de alta exigência, como chefs de cozinha e ainda ajuda a gastronomia brasileira a se desenvolver utilizando hortaliças mais variadas, fugindo do cardápio básico do dia-a-dia.

Conheça algumas das hortaliças com alto valor agregado que você pode ter na lavoura:

Tomate Tigre
13592312_1154799991244611_3501826878068888552_n
Frutos vermelhos tigrados em vermelho escuro, com boa conservação pós colheita e ótima sanidade. Resistente ao Vírus do Mosaico do Tomate, Fusarium 2, Verticillium e Nematóides.

Berinjela Niobe
shutterstock_59622220
Frutos redondos de coloração roxa brilhante e cálice roxo escuro com poucos espinhos. Polpa branca, muito adocicada e com poucas sementes, excelente para fins gastronômicos. Baixo tempo de oxidação e índice de isoporização.

Tomate Sêneca

Variedade de alta produtividade com elevada carga de frutos por planta, ideal para cultivo em estufa. Frutos de formato pera com gomos, sabor muito diferenciado, perfumado, coloração vermelho claro quando maduro. Resistente ao Vírus do Mosaico do Tomate, Fulvia fulva 1-5, Fusarium oxysporum f.sp. lycopersici 0, Verticillium albo-atrum, e Verticillium dahliae.

Abobrinha Gioconda
shutterstock_50632567
Novo segmento de abobrinhas. Frutos globulares muito uniformes, sem estrias, e de coloração verde claro brilhante. Excelente para produção em períodos de entressafra devido á sua produtividade e precocidade. Adapta-se muito bem à cultivo tanto em campo como estufa. Resistente ao vírus do mosaico da melancia e mosaico amarelo da abobrinha.

Couve-Brócoli Romanesco

Variedade diferenciada, em formato de pinha e coloração verde clara tendendo ao verde limão. Muito saboroso, ideal para fins gastronômicos e mercados in natura.

Abóbora Mini Jack

Abóbora do tipo moranga miniatura, de coloração alaranjada e polpa creme. Excelente apresentação e ótimo sabor, ideal para fins gastronômicos, principalmente recheada e assada, buffets ou pratos individuais. A variedade produz em média 5 frutos por planta. Excelente conservação pós colheita (em torno de 60 dias).

Tomate Verônica
288
Variedade ideal para cultivo em estufa. Frutos muito diferenciados, redondo achatados com gomos bem salientes, de fácil corte e apresentação no mercado in natura, coloração vermelho intenso quando maduro, e excelente sabor. Resistente ao Vírus do Mosaico do Tomate, Fulvia fulva 1-5, Fusarium oxysporum f.sp. lycopersici 0-1, Fusarium oxysporum f.sp. radicis-lycopersici, Verticillium albo-atrum, Verticillium dahliae.

Quer conhecer mais hortaliças diferenciadas? Conheça a Linha Super Sabor da ISLA aqui!

Gostei(7)Não Gostei(1)

Um comentário em “Hortaliças de alto valor agregado

Tem algo para acrescentar sobre esse post? Compartilhe com a gente!